TEXTOS, RESUMOS E DOCUMENTOS DA HISTÓRIA DO BRASIL


Ciclos econômicos brasileiros – resumo, principais características, período

Ciclos econômicos brasileiros, resumo, principais características, período, principais atividades econômicas da História do Brasil

Trabalho numa mina de ouro em Minas Gerais
Trabalho numa mina de ouro em Minas Gerais

 

Introdução (contexto histórico)

 

Do ponto de vista econômico, podemos dividir a História do Brasil em ciclos, de acordo com a atividade econômica principal de determinados períodos. Vale ressaltar que o nome do ciclo está relacionado, como já dissemos, a principal atividade ou produto e isso não significa que em determinados ciclos não havia outros tipos de atividades. Durante o Ciclo do Açúcar, por exemplo, havia significativas atividades de pecuária e produção de hortifrútis e artesanatos.

 

Ciclo do Pau-Brasil


Período: entre 1500 e 1530

 

Principais características:

 

- Os portugueses cortavam a árvore pau-brasil para comercializar a madeira na Europa. Esta atividade ocorria na região da Mata Atlântica, principalmente na costa Sudeste, Sul e Nordeste do Brasil. Houve utilização de mão de obra indígena, através do escambo (troca do trabalho indígena por produtos de pouco valor).

 

Ciclo do Açúcar

 

Período: segunda metade do século XVI até o final do século XVII.

 

Principais características:

 

- Instalação de engenhos de açúcar na região Nordeste do Brasil. Os senhores de engenho plantavam a cana-de-açúcar para produzir e exportar o açúcar para a Europa. Foi utilizada a mão de obra escrava africana nos engenhos.

 

Ciclo do Ouro

 

Período: século XVIII

 

Principais características:

 

- O eixo econômico mudou do Nordeste para o Sudeste, logo após o início da exploração das minas de ouro, principalmente, em Minas Gerais. Os donos das minas utilizaram a mão de obra escrava africana para os trabalhos pesados. Muitos donos de minhas enriqueceram nesse período e a Coroa Portuguesa arrecadou grandes cifras em impostos sobre o ouro encontrado.

 

Ciclo do Algodão


Período: do século XVIII até o começo do XIX.

 

Principais características:

 

- Produção de algodão em estados como Pernambuco, Bahia, São Paulo e Ceará. A produção estava voltada para o mercado externo, principalmente Europa e Estados Unidos. Esta matéria-prima estava relacionada ao desenvolvimento industrial, principalmente da indústria fabril, nestes locais.

 

Ciclo da Borracha

 

- Período: final do século XIX e início do XX.

 

Principais características:

 

- A borracha foi produzida na região amazônica, pois o látex era extraído das seringueiras (em grande quantidade na região). A produção era voltada para os EUA e Europa, para abastecer a demanda de borracha da indústria de pneus de automóveis, além de outros produtos industrializados.

 

Ciclo do Café

Período: de 1870 até o início do século XX

 

Principais características:

 

- A cultura do café se desenvolveu, principalmente, na região do Oeste Paulista. As grandes fazendas de café utilizaram mão de obra escrava africana (até 1888) e mão de obra imigrante (principalmente italiana). Os “barões do café”, como ficaram conhecidos os grandes fazendeiros, enriqueceram muito com a exportação do produto para a Europa e Estados Unidos, principalmente. O acúmulo de capital neste período foi de grande importância para os investimentos em indústrias realizados nas primeiras décadas do século XX.


 

Bibliografia indicada:

 

História Econômica do Brasil

Autor: Prado Jr., Caio

Editora: Brasiliense

Ano de publicação: 1945

Temas do livro: História do Brasil, Economia, Ciclos Econômicos

Impressão Google+


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor. Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2005 - 2018 História do Brasil.Net Todos os direitos reservados.